Paulina Campelo Macedo. Uma portuguesa na imprensa brasileira da Primeira República

Cruz, Eduardo da . (2016) Paulina Campelo Macedo. Uma portuguesa na imprensa brasileira da Primeira República. Revista de Escritoras Ibéricas, 4, 97-120

Ficheros (Some files may be inaccessible until you login with your e-spacio credentials)
Nombre Descripción Tipo MIME Size
Paulina_Campelo.pdf Full text (open access) application/pdf 279.59KB

Título Paulina Campelo Macedo. Uma portuguesa na imprensa brasileira da Primeira República
Título paralelo Paulina Campelo Macedo. A Portuguese woman in Brazilian’s newspapers of the First Republic
Autor(es) Cruz, Eduardo da
Materia(s) Filología
Resumen A escritora e educadora portuguesa Paulina Campelo Macedo (21/04/1873 - 14/09/1931), ainda jovem, emigrou para o Rio de Janeiro, onde passou a participar ativamente da vida cultural da colônia portuguesa nessa cidade. Destaca-se em sua carreira a participação no jornal dirigido a seus conterrâneos, o União Portugueza, desde 1899, publicando pequenas narrativas e poemas, além de breves artigos laudatórios e sobre educação. Foi, contudo, seu trabalho como articulista em um dos principais periódicos brasileiros da primeira república, O Paiz, diário de grande circulação, assinando com o pseudônimo de Lia de Santa Clara até a década de 1920, que permitiu que ela atingisse novos leitores e conseguisse publicar suas obras em outros títulos da imprensa. Após rastrearmos suas colaborações em jornais e revistas, procuramos, neste trabalho, perceber como sua situação marginal de mulher e estrangeira aparece representada em seus textos, tanto naqueles dirigidos aos imigrantes como ela, quanto nos que podiam alcançar o público brasileiro em geral.
Abstract At an early age the writer and teacher Paulina Campelo Macedo (21/04/1873 - 14/09/1931), emigrated to Rio de Janeiro, where she began to participate actively in the cultural life of the Portuguese colony in that city. Highlights in her career are her participation since 1899 in the newspaper addressed to her fellow Portuguese, União Portugueza, where she published short stories and poems, as well as brief laudatory articles and texts on education. However, it was her work as a writer in one of Brazil’s main dailies of the First Republic, O Paiz, signing with the pseudonym Lia de Santa Clara until the 1920s, which allowed her to reach new readers and publish her works in other titles of the Brazilian press. Exploring her collaborations in newspapers and magazines, this essay seeks to examine how Campelo Macedo’s marginal position as a woman and a foreigner is represented in her writings, both those aimed at immigrants like herself, as well as in those through which she could reach the Brazilian public in general.
Palabras clave escrita feminina
imprensa periódica
relações luso-brasileiras
imigração
women’s writing
periodical press
luso-brazilian relations
immigration
Editor(es) Universidad Nacional de Educación a Distancia (España) ; Universidade de Lisboa
Fecha 2016-01-01
Formato application/pdf
Identificador bibliuned:revistaREI-2016-4-5015
http://e-spacio.uned.es/fez/view/bibliuned:revistaREI-2016-4-5015
DOI - identifier 10.5944/rei.vol.4.2016.16859
ISSN - identifier 2340-9029
Nombre de la revista Revista de Escritoras Ibéricas
Número de Volumen 4
Página inicial 97
Página final 120
Publicado en la Revista Revista de Escritoras Ibéricas, 4, 97-120
Idioma por
Versión de la publicación publishedVersion
Tipo de recurso Article
Derechos de acceso y licencia http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0
info:eu-repo/semantics/openAccess
Tipo de acceso Acceso abierto

Tipo de documento: Artículo de revista
Collections: Revista de Escritoras Ibéricas. Año 2016, n.4
Set de artículo
Set de openaire
 
Versiones
Versión Tipo de filtro
Contador de citas: Google Scholar Search Google Scholar
Estadísticas de acceso: 101 Visitas, 58 Descargas  -  Estadísticas en detalle
Creado: Fri, 31 Mar 2017, 17:52:30 CET