Comparação entre o método calorimétrico e o método do balanço térmico na calibração de potência do reator nuclear de pesquisa TRIGA IPR-R1

Mesquita, Amir Zacarias, Rezende, Hugo César y Prado, Rose Mary Gomes do . (2010) Comparação entre o método calorimétrico e o método do balanço térmico na calibração de potência do reator nuclear de pesquisa TRIGA IPR-R1. Revista Iberoamericana de Ingeniería Mecánica. Vol. 14, n. 2, 2010, p. 3-11. ISSN 1137-2729

Ficheros (Some files may be inaccessible until you login with your e-spacio credentials)
Nombre Descripción Tipo MIME Size
Documento.pdf Pdf del documento application/pdf

Título Comparação entre o método calorimétrico e o método do balanço térmico na calibração de potência do reator nuclear de pesquisa TRIGA IPR-R1
Autor(es) Mesquita, Amir Zacarias
Rezende, Hugo César
Prado, Rose Mary Gomes do
Materia(s) http://udcdata.info/041674
Ingeniería Mecánica
Resumen Passados vários anos desde que os primeiros reatores nucleares de pesquisa TRIGA foram construídos, diversas metodologias foram utilizadas para calibração da potência térmica fornecida pelo núcleo. Nas operações normais a potência dos reatores nucleares é monitorada por meio de instrumentos que medem o fluxo de nêutrons. A calibração destes instrumentos é sempre feita por procedimentos térmicos. A medição mais exata possível do valor da potência é importante para o conhecimento do fluxo de nêutrons e para o cálculo da quantidade de combustível queimado (235U). A queima é linearmente dependente da potência térmica e sua determinação com precisão é importante também no cálculo dos produtos de fissão, da atividade dos combustíveis, do calor gerado no decaimento e na radiotoxidade. O propósito deste artigo é apresentar os resultados da calibração da potência térmica realizada em 05 de março de 2009 no reator TRIGA IPR-R1 do CDTN localizado em Belo Horizonte (Brasil). Foram utilizados dois procedimentos: o calorimétrico e o de balanço de calor no sistema de refrigeração. O método calorimétrico foi realizado com o reator operando na potência de 100 kW (indicação do canal neutrônico linear) e com o sistema de refrigeração forçado desligado. A taxa de aumento da temperatura da água foi registrada e a potência foi calculada em função deste aumento de temperatura e da capacidade térmica do sistema. O método do balanço térmico consiste no balanço em estado estacionário no sistema primário de refrigeração. Neste método as temperaturas de entrada e saída e a vazão da água no primário são monitoradas. Ao calor transferido através do primário são adicionadas as fugas de calor do poço do reator.
Palabras clave reator nuclear de pesquisa
TRIGA
calorimétrico
balanço térmico
temperatura
Editor(es) Universidad Nacional de Educación a Distancia (España)
Fecha 2010-06-01
Formato application/pdf
Cobertura 3
Identificador bibliuned:iberoingmecanica-2010-vol14-n2-01
bibliuned:iberoingmecanica-2010-vol.14-n.2-01
http://e-spacio.uned.es/fez/view/bibliuned:iberoingmecanica-2010-vol14-n2-01
Publicado en la Revista Revista Iberoamericana de Ingeniería Mecánica. Vol. 14, n. 2, 2010, p. 3-11. ISSN 1137-2729
Idioma por
Versión de la publicación publishedVersion
Tipo de recurso Article
Derechos de acceso y licencia info:eu-repo/semantics/openAccess
http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0
Tipo de acceso Acceso abierto

 
Versiones
Versión Tipo de filtro
Contador de citas: Google Scholar Search Google Scholar
Estadísticas de acceso: 84 Visitas, 14 Descargas  -  Estadísticas en detalle
Creado: Mon, 03 Sep 2012, 14:19:27 CET